8 minutos de leitura

Um homem está sentado usando seu notebook, com um homem e uma mulher ao lado, auxiliando-o. Todos estão sorrindo. A imagem remete a uma ação de voluntariado empresarial.
O voluntariado empresarial promove engajamento de colaboradores e impacto social

Por meio do voluntariado empresarial, as empresas estão descobrindo uma nova forma de engajar pessoas colaboradoras, ressaltar seus valores organizacionais e gerar impacto social.

Também chamado de voluntariado corporativo, essa iniciativa tem ganhado destaque por ser uma maneira eficiente de fortalecer a responsabilidade social e ambiental de empresas e ainda melhorar sua imagem institucional. 

Neste artigo, vamos explicar como o voluntariado empresarial pode transformar a sua empresa e a comunidade beneficiada de várias maneiras. 

O que é voluntariado empresarial?

O voluntariado empresarial é o conjunto de atividades planejadas pelas organizações para envolver seus colaboradores em atividades benéficas para a sociedade. 

Essas atividades podem englobar ações em prol da educação, igualdade de gênero, direitos humanos, meio ambiente, entre outras. 

Os objetivos principais visam o bem-estar de uma população e o aumento do engajamento de colaboradores com a empresa.

Tipos de ações de voluntariado empresarial 

Existem diversos projetos em que a sua organização pode atuar por meio do voluntariado. Confira algumas ideias abaixo. 

Educação: programas de capacitação para comunidades carentes e grupos minorizados no mercado de trabalho. Isso engloba aulas, workshops e mentorias. 

Acesso à tecnologia: implementação de treinamentos em habilidades digitais, como uso responsável da internet, e-mail, aplicativos, entre outros. 

Saúde: apoio a clínicas comunitárias, programas de assistência médica e campanhas de doação de sangue e órgãos. 

Meio ambiente: engloba projetos de reciclagem, uso eficiente de recursos naturais, redução de resíduos e outras práticas sustentáveis. 

Diversidade e inclusão: projetos voltados para mulheres, pessoas negras, LGBTQIAP+, migrantes, refugiados e outras minorias. O objetivo é promover a integração e a diversidade na sociedade e no mercado de trabalho

Desenvolvimento comunitário: envolve a melhoria de escolas, habilitações e espaços públicos. 

Quais são os benefícios do voluntariado empresarial?

Desenvolvimento de habilidades da equipe 

As pessoas colaboradoras desenvolvem habilidades como liderança, trabalho em equipe e gestão de projetos. 

Isso ocorre porque, as atividades do voluntariado, exigem planejamento, organização e avaliação dos resultados. Além disso, as pessoas envolvidas precisam enfrentar desafios e encontrar soluções criativas para alcançar os objetivos propostos. 

Promoção de valores organizacionais 

Com o voluntariado, é possível promover, de forma prática, valores da sua organização, como responsabilidade social, inclusão e cidadania. 

Além disso, a interação de seus colaboradores com pessoas de diferentes realidades estimula a empatia e a sensibilidade para questões sociais.

Melhoria do employer branding 

O employer branding da sua empresa é fortalecido à medida que sua marca demonstra comprometimento com a diversidade e inclusão

De acordo com a pesquisa PPI 2021 (Purpose Premium Index), 73% dos colaboradores entrevistados afirmaram que sentem maior satisfação em trabalhar para empresas que contribuem para o desenvolvimento social e ambiental.

Portanto, ao investir em causas relevantes, sua empresa constrói uma marca empregadora sólida e desejada por profissionais qualificados.

Retenção de talentos 

Ao atuar em projetos de voluntariado, os colaboradores sentem orgulho de contribuir para uma causa social relevante que vai além dos lucros de uma empresa. 

Isso, por sua vez, aumenta o engajamento, a satisfação e o comprometimento dos colaboradores com a empresa. 

Geração de impacto social 

Por meio do voluntariado, sua empresa tem a oportunidade de transformar vidas de diversas maneiras. O voluntariado pode contribuir para a melhoria de uma população local ao englobar ações como revitalização de espaços comunitários. 

Além disso, o voluntariado pode ser uma forma eficiente de potencializar grupos minorizados. Com o Programa de Voluntariado Corporativo da Toti, por exemplo, sua empresa pode apoiar a educação e a empregabilidade de pessoas que foram historicamente sub-representadas no mercado de trabalho. 

Aumento dos lucros e melhoria da reputação 

Os consumidores passaram a valorizar mais empresas que demonstram propósito. A pesquisa PPI 2021 revelou que:  

  • 88% das pessoas entrevistadas preferem comprar de empresas que defendem algo maior do que seus produtos e serviços;
  • 74% afirmam que geralmente pesquisam o que as marcas que consomem fazem pela sociedade;
  • 84% perdoariam um possível erro de uma organização que sempre se comportou de forma ética e responsável.

Esses dados demonstram a necessidade de as empresas agirem de forma mais consciente, proativa e responsável. Somente dessa forma será possível garantir a saúde financeira de uma organização a longo prazo. 

Seis pessoas estão posando para a foto. Todos estão abraçados e sorrindo. Há quatro mulheres e dois homens.
O voluntariado empresarial incentiva a cooperação entre os colaboradores

Como as empresas podem implementar programas de voluntariado?

Passo 1 – Identifique as motivações e causas relevantes

Em primeiro lugar, é preciso identificar quais são as causas relevantes para o seu negócio e para a comunidade. O projeto, por sua vez, pode ser direcionado para questões sociais ou ambientais. 

Para definir a abordagem mais eficaz, é recomendado realizar pesquisas para entender que tipo de contribuição a comunidade necessita. Além disso, é importante consultar os funcionários para compreender seus interesses e habilidades, e estabelecer parcerias com outras instituições que já atuam nessas áreas.

Passo 2 –  Defina objetivos e metas 

É imprescindível também estabelecer objetivos claros e metas mensuráveis. Isso ajudará a direcionar os esforços e avaliar o impacto das atividades voluntárias. 

Sendo assim, entenda qual objetivo a empresa deseja alcançar, seja a geração de impacto social, o engajamento de colaboradores, entre outros. A organização pode ainda guiar suas ações por meio dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU. 

Em relação às metas, é possível determinar, por exemplo, o número de participantes, de beneficiários e de horas de voluntariado 

Passo 3 –  Forme um comitê 

É importante formar um comitê de colaboradores para gerenciar o projeto e definir responsabilidades. É função do comitê mapear ações já realizadas pela empresa, identificar oportunidades, selecionar quais serão os colaboradores voluntários e estruturar um plano de ação. 

Passo 4 – Busque instituições especializadas

Para implementar um bom programa de voluntariado corporativo, é necessário realizar parcerias com instituições especializadas no assunto. 

As parcerias são fundamentais para a excelência do programa, pois, geralmente, essas instituições possuem um conhecimento profundo das melhores práticas em voluntariado, desde a organização de atividades até a gestão de voluntários. 

Além disso, elas oferecem acesso a uma ampla rede de contatos e recursos, que podem enriquecer as iniciativas de voluntariado da empresa e ampliar seu impacto social. 

Passo 5 – Faça um planejamento completo 

Um plano de voluntariado empresarial deve detalhar quais recursos humanos, materiais e financeiros a organização precisará disponibilizar.

Além disso, este planejamento também precisa especificar as atividades, os prazos e as funções de cada parte envolvida. 

Passo 6 – Comunique e envolva os colaboradores 

Além de comunicar os colaboradores que participarão ativamente do projeto, é fundamental divulgar as ações para toda a empresa. Isso cria um ambiente de transparência, inclusão e harmonia. 

Dedique-se também a engajar seus colaboradores. Para isso, realize eventos interativos, utilize canais de comunicação e enfatize a importância de cada colaborador para o sucesso do projeto. 

E não esqueça de envolver a liderança. Para que os colaboradores participem, é preciso que eles sintam que o voluntariado é incentivado pela sua gestão. 

Passo 7 – Dê reconhecimento aos participantes 

Durante e após o programa, reconheça e recompense os colaboradores envolvidos no projeto.

Essa é uma maneira de valorizar os participantes e incentivar outros colaboradores a contribuírem em outras oportunidades. Isso pode ser feito por meio de certificados, prêmios ou até mesmo divulgação de fotos e depoimentos sobre o programa.  

Passo 8 – Mensure os resultados e faça ajustes

Após a implementação do voluntariado empresarial, é importante avaliar regularmente seus resultados e fazer ajustes quando necessário. 

O programa deve ser flexível o suficiente para se adaptar às necessidades e expectativas em constante mudança.

Ao finalizar o projeto, busque compreender se os resultados atingiram os objetivos definidos no início do planejamento. 

Exemplos de voluntariado empresarial: cases de sucesso

Santander 

O banco Santander é uma das empresas que investe na estratégia de voluntariado. Um de seus projetos, o Programa Escola Brasil (PEB), consiste na melhoria da educação nas escolas públicas. Os grupos de voluntários podem exercer atividades como reforma de espaços comuns, doação de suprimentos, suporte na organização de grêmios estudantis e apoio à equipe escolar, oferecendo cursos externos. 

Além disso, a empresa desenvolve outros projetos de voluntariado ao longo do ano. No site Voluntariado Santander, é possível encontrar as ações realizadas. 

Grupo Globo

O Grupo Globo envolve seus colaboradores em capacitações para pessoas refugiadas e migrantes. A ação é realizada em parceria com a Toti Diversidade. 

O projeto visa a melhoria da qualidade de vida dessa comunidade, gerando educação e empregabilidade, e o aumento da inclusão no mercado de trabalho. Além de desenvolver as habilidades de seus colaboradores, o projeto permite o recrutamento assertivo de pessoas refugiadas e migrantes para fazerem parte do Grupo Globo. Confira mais detalhes neste link.

C&A

O Instituto C&A promove uma conexão entre colaboradores da empresa e organizações sociais de todo o Brasil. Os voluntários dedicam tempo, conhecimento e habilidades para fazer da moda um agente transformador nas comunidades beneficiadas. As ações envolvem mutirões e reformas, workshops, bazares, mentorias, entre outras atividades.

Como mensurar o impacto do voluntariado empresarial?

É possível avaliar a eficiência do programa de voluntariado de diversas formas, como:

  • Avaliação dos colaboradores: realize pesquisas de satisfação para identificar pontos fortes e áreas de melhoria.
  • Impacto na comunidade: mensure o impacto gerado por meio de indicadores como número de beneficiários diretos e indiretos, a melhoria de condições de vida, a capacitação de indivíduos e grupos, e o desenvolvimento de parcerias locais.
  • Retorno para a empresa: compare os custos envolvidos com os benefícios tangíveis e intangíveis obtidos. Isso pode incluir a redução de turnover, o aumento do engajamento dos colaboradores, a melhoria da reputação da empresa, a repercussão na mídia e o impacto positivo na cultura organizacional.
  • Indicadores de sustentabilidade: analise como o programa contribuiu para o alcance dos objetivos de sustentabilidade da empresa. Isso inclui mensurar, por exemplo, a redução de emissões de carbono e o uso de recursos naturais. 

Vale ressaltar que nem todas as formas de mensuração serão compatíveis com o seu programa. Caso tenha realizado um projeto social, métricas de sustentabilidade não serão aplicáveis. Por isso, é importante realizar parcerias com instituições que forneçam relatórios aprofundados sobre o impacto gerado. 

Como a Toti Diversidade pode ajudar sua empresa? 

A Toti Diversidade possui um Programa de Voluntariado Corporativo que contribui para aumentar o engajamento dos colaboradores de uma empresa, fortalecer sua cultura interna e gerar impacto positivo.

Basicamente, o programa consiste em uma experiência na qual a empresa pode envolver seus colaboradores em capacitações para pessoas refugiadas e migrantes. 

Com essa iniciativa, a organização poderá contribuir para a educação e empregabilidade de pessoas em situação de vulnerabilidade social. Além disso, ajudará a promover a diversidade e inclusão no mercado de trabalho. 

A Toti é responsável por todas as etapas do programa, desde treinamentos até a mensuração do impacto gerado. 

Clique aqui para conhecer mais detalhes sobre o projeto